Ressignificando histórias

Crédito: Adriana Lorete / Agência O Globo

No Rio, uma fábrica de chocolates abandonada na Zona Portuária se transformou num dos mais efervescentes polos artísticos da cidade, reunindo sob suas estruturas de concreto e ferro cerca de 50 profissionais criativos de diversas áreas. Essa é a antiga Fábrica Bhering. O prédio, construído em 1930, mantém suas características originais, preservando ainda parte do seu maquinário e as paredes desgastadas pelos anos de abandono, que são incorporadas pelos novos ocupantes.

Hoje, a antiga fábrica abriga desde ateliês fotográficos a escritórios de design e arquitetura, estúdios, oficinas de movelaria, brechós e até um bistrô. Em todo primeiro sábado do mês, acontece o Circuito Interno da Bhering: entre 12h e 20h, os ateliês abrem suas portas para a visitação do público, que ainda é convidado a curtir atrações especiais como música ao vivo no terraço da fábrica e exposições de fotografia. Quem curte decoração, fotografia e boa música vai amar visitar o local. Vale a pena tirar um tempo para ir conhecer toda a história desse espaço e se encantar.

Crédito: Divulgação Fábrica Bhering

Durante os dias da semana, a visitação pode ser feita das 10h às 18h e nos finais de semana, das 10h às 20h. A entrada é gratuita e a fábrica fica na Rua Orestes, 28 – Santo Cristo, Rio de Janeiro.

Se você quer saber mais sobre os eventos que rolam por lá clica aqui!
Se você ama passear pelo Rio de Janeiro tem mais dicas de lugares bacanas que valem uma visita aqui.

Deixe uma resposta

Você precisa fazer login para publicar um comentário.